Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Carta à Berta

Carta à Berta é o local dos Desabafos de um Vagabundo, do Senhor da Bruma, essa bruma a que chamam de internet, de um Haragano, o Etéreo, qual cavalo selvagem que galopa entre cartas alegadamente, quiçá, sem fundamentos.

Carta à Berta é o local dos Desabafos de um Vagabundo, do Senhor da Bruma, essa bruma a que chamam de internet, de um Haragano, o Etéreo, qual cavalo selvagem que galopa entre cartas alegadamente, quiçá, sem fundamentos.

Carta à Berta: Campanha para a Presidência da República Portuguesa - os 2 Primeiros Debates

Berta 433.jpg

Olá Berta,

Arrancam hoje, daqui a mais uma hora, os debates televisivos dos candidatos para a Presidência da República Portuguesa. A RTP começa com um Marcelo versus Marisa e depois temos João Ferreira contra Ventura, na TVI. Digamos que esta é uma novela que pretendo seguir sempre que tal me for possível.

Quanto a estes primeiros dois embates, enquanto Marcelo se deverá mostrar solidário com o trabalho de Marisa Matias no Parlamento Europeu e ao mesmo tempo condescendente com algum do radicalismo que esta possa tentar impor ao confronto, já no segundo debate a coisa promete poder vir a provar se João Ferreira tem ou não sangue na guelra para confrontar André Ventura. Em caso positivo o candidato do PCP poderá vir a contrariar o lugar longínquo que lhe é atribuído nas sondagens presidenciais, onde está próximo da cauda do pelotão.

Porém, quem tem tudo mesmo em jogo é, sem dúvida, André Ventura. Sair mal do confronto contra o seu rival do extremo oposto seria um péssimo presságio para a restante campanha. Para o candidato e ex-comentador desportivo da CMTV é fundamental uma prestação à altura o seu suposto gabarito de fala-barato. Numa campanha em que quase toda a propaganda eleitoral será televisiva é imperativo angariar vitórias e verdadeiro protagonismo em cada debate.

Não admira, portanto, que as expetativas para o início dos debates estejam tão elevadas. Eu, pelo menos a título pessoal, antevejo um confronto quase pacífico entre Marcelo e Marisa, mesmo que esta tente acicatar o atual presidente com algumas das ações deste durante o corrente mandato. Nada favorece mais Marcelo do que mostrar-se compreensivo e benevolente perante todos os adversários, excetuando talvez Ventura. Já no segundo debate espero ver sangue e adoraria assistir a João Ferreira a desmascarar a hipocrisia de candidato da extrema direita nacionalista e, sem dúvida, populista.

Resta-nos, minha querida Berta, esperar mais um pouco para sabermos se me enganei ou não na presente antevisão destes dois primeiros debates. Sem outro assunto neste momento, e com um beijinho despede-se este teu amigo de todos os dias,

Gil Saraiva

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

Em destaque no SAPO Blogs
pub