Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Carta à Berta

Carta à Berta é o local dos Desabafos de um Vagabundo, do Senhor da Bruma, essa bruma a que chamam de internet, de um Haragano, o Etéreo, qual cavalo selvagem que galopa entre cartas alegadamente, quiçá, sem fundamentos.

Carta à Berta é o local dos Desabafos de um Vagabundo, do Senhor da Bruma, essa bruma a que chamam de internet, de um Haragano, o Etéreo, qual cavalo selvagem que galopa entre cartas alegadamente, quiçá, sem fundamentos.

Carta à Berta: Série: Quadras Populares Sujeitas a Tema - 1) Racismo

Berta 94.jpg

Olá Berta,

Espero que as minhas cartas te continuem a agradar. Com que então agora gostas de poesia popular. A proximidade da terra de António Aleixo, e alguns eventos a que foste com ele relacionados, deram-te a conhecer, pelo que me descreveste, melhor o poeta. Muito bem, folgo em saber isso pois eu, como tu bem sabes, embora lisboeta, passei a minha infância e puberdade no Algarve e fui amigo pessoal do professor Joaquim Magalhães, o homem que deu a conhecer ao mundo o poeta, a quem tanto ajudou.

Achei graça que me desafiasses a enviar-te, nas próximas cartas, uma quadra popular de cada vez. Ainda por cima deste-te ao trabalho de me mandar as temáticas para eu não fazer batota, dizes tu. Mas desde quando tens motivos para achares que eu te engano? Nunca, minha querida amiga, nunca o faria. Posso levar meses e até anos sem falar com este ou aquele amigo, coisas do meu feitio, porém, quando nos voltamos a falar, é como se tivéssemos conversado no dia anterior. Jamais enganaria um amigo. Há sempre quem isso não entenda, contudo, isso já são questões de feitios e não da genuinidade da amizade.

Estive a ver os primeiros 12 temas que pedes. Interessante escolha. Assim sendo, minha querida, aceito o teu desafio. Vamos lá ver se também eu podia ser poeta popular ou não. Não é tarefa fácil, apesar de tudo, transmitir uma ideia completa, com alguma graça ou sarcasmo, em 4 versos em que a última tónica esteja na sétima silaba e ainda por cima, tentar tirar algum conceito moral disso, numa tão curta abordagem, exige um poder de síntese que eu nunca desenvolvi muito, mas prometo-te que vou tentar.

Série: Quadras Populares Sujeitas a Tema - 1) Racismo

 

“O RACISTA”

 

Branco que com branco grita,

Discute pontos de vista,

Porque é que esta mesma fita,

Com negro, já é racista?

 

Gil Saraiva

 

Não te esqueças, minha amiga de me informar se gostaste ou não. Por hoje é tudo, amanhã mando o segundo tema. Recebe um beijo saudoso deste que não te esquece,

Gil Saraiva

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

Em destaque no SAPO Blogs
pub