Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Carta à Berta / Desabafos de um Vagabundo / Miga, a Formiga / Estro

A partir de Julho de 2022 os blogs do Senhor da Bruma, assinados por Gil Saraiva, são reunidos em "alegadamente". Os blogs: Estro (poesia), gilcartoon (cartoons) e Desabafos de um Vagabundo (plectro) passam a integrar este blog. Obrigado.

A partir de Julho de 2022 os blogs do Senhor da Bruma, assinados por Gil Saraiva, são reunidos em "alegadamente". Os blogs: Estro (poesia), gilcartoon (cartoons) e Desabafos de um Vagabundo (plectro) passam a integrar este blog. Obrigado.

Carta à Berta: Coronavírus: O Codid-19-1 e Covid-19-2....

Berta 131.jpg

Olá Berta,

Esta carta hoje serve para te contar aquilo que até aqui, durante já quase 3 meses, era perfeitamente desconhecido de nós, os comuns mortais. Poderás estar intrigada com o que te estou a escrever, porém, não fiques, porque faço questão de te esclarecer já de seguida.

Segundo as últimas novidades em termos de investigação ao novo Coronavírus, ou Covid-19, afinal não sabíamos tanto como pensávamos e o que pensávamos que sabíamos já não era muito. Se bem que o vírus continue a ser o Coronavírus, e a doença que provoca tenha passado a ser apelidada de Covid-19, vou, para não te gerar confusão, amiga Berta, tratar o vírus pelo novo nome da doença, ou seja Covid-19.

Assim, com efeito, o Covid-19 não são um, mas dois vírus, bem diferentes um do outro. Para já, e enquanto não há nomes oficiais, digamos que se tratam de gémeos. Ambos terão nascidos juntos, mas, enquanto o Covid-19-2 é, aquilo a que podemos chamar, um gémeo bom, o Covid-19-1 apresenta-se como o gémeo mau.

Traduzindo por miúdos, apenas o Covid-19-1 mata e apenas este Covid-19-1 causa as infeções mais graves e os maiores problemas entre humanos. Quer isto dizer que, com a existência de 2 estirpes, absolutamente distintas, uma que provoca ligeiros problemas muito semelhantes à gripe normal e a outra tem uma enorme capacidade assassina, caem por terra todas as estatísticas e estimativas que foram feitas até aqui pela Organização Mundial de Saúde e pelos governos e serviços de saúde do mundo inteiro. A China foi quem anunciou a descoberta das 2 estirpes e a OMS já se encontra na posse desses dados.

Graças a isso em breve devemos começar a ter que distinguir, diria a 2 cores, nos mapas de contaminação global o comportamento diferenciado dos gémeos. Esta descoberta ajudará a distinguir a distribuição das estirpes pelo planeta e onde se encontra realmente o Covid-19-1.

Dou-te um exemplo. Portugal, que já tem 8 infeções detetadas e confirmadas até ao momento, pode muito bem ainda não estar ninguém infetado pelo Covid-19-1. Contudo, este gémeo, a que eu chamei de Covid-19-1, afeta 70% dos infetados e é responsável por todas as mortes existentes até ao momento, exceção feita aos pacientes cujo quadro clínico tem outros problemas, de tal forma graves que até a gripe normal seria capaz de gerar um óbito.

Se pode ser um alívio informar o mundo que o Covid-19-2, não mata, em condições normais de saúde por parte dos pacientes, já a população em geral infetada com o Covid-19-1 vê a sua taxa de mortalidade aumentada para os 5% em vez dos anteriores 3,5%. Por outro lado, quanto à mortalidade na faixa etária de 80 ou mais anos, esta galopa para uns assustadores 21,5%. O que quer dizer que mais de 1 em cada 5 afetados com o Covid-19-1, com 80 ou mais anos, falecerá.

Porém, os cientistas no Brasil falam em mais outras 2 estirpes, digamos filhas, a título ilustrativo, do Covid-19-1. Essas estirpes são apenas 2 mutações do vírus inicial, e os estudos indicam que uma é alemã e a outra italiana. Também, segundo consegui apurar, apenas o genoma do Covid-19-1 foi mapeado. O que quer dizer que ainda não existe descodificação para o Covid-19-2 e para os Covid-19-1A (de Alemanha) ou para o Covid-19-1I (de Itália).

Convém esclarecer que esta visão que apresento é apenas alegadamente verdadeira, ou seja, não passa da minha interpretação das notícias que tenho, enquanto jornalista freelancer, recebido no email e investigado pelos meios que me são permitidos. Aliás, embora eu não entenda muito bem porquê, o máximo que as organizações de saúde e investigação fizeram até agora foi dizer que, das 2 estirpes iniciais, uma é muito mais agressiva do que a outra. A conclusão que apenas o Covid-19-1 pode matar pessoas aparentemente saudáveis à data da sua contaminação viral é minha, embora fundada naquilo que me parece credível face às notícias e informações recebidas.

Espero, minha querida amiga, que tenhas ficado um pouco mais esclarecida. Despeço-me com um beijo,

Gil Saraiva

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em destaque no SAPO Blogs
pub